eu te amo e me odeio eu te odeio e não eu te quero e queor mais eu te faço mulher e nem eu não e você sim eu não posso e você também Eu beijo e na tua mordia há dor Eu grito e no teu ouvindo há dor eu nada nem desculpa nem meia culpa nem nada eu te desejo e sempre algum dos dois dorme então nem busco sou bruto e grito me toca me faz di amante e nem assim gritante é sempre assimm nada marcado apenas o desejado e as vezes arrancando as vestes de você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s