TEMPO IV

 

 

TEMPO IV

 

Há dores nos ossos

Há nós nos ais e óhs das almas não ritmadas

Cuidam-se dos favores das almas desalojadas

Tornam-se despesas as pressas das consequências equivocadas

Formam-se espessas e duras nuvens de fumaça

Seus olhos já não enxergam horizontes e nem perceberam

 

 

Há calafrios ruminando úmido horrores num tempo frio
Esse tempo desconhece o que já foi o tempo.

 

 

Tiago Felipe Viegas Carneiro 10/11/2016

Anúncios

2 Respostas para “TEMPO IV

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s